Social Icons

Player

sábado, 19 de dezembro de 2015

Robô do Google acredita em Deus

 Google não é só mais uma empresa de buscas. A empresa investe  em pesquisas de inteligência artificial que possam, no futuro, ser aplicada na melhoria de seus produtos. Desta vez, a empresa mostrou o resultado de uma pesquisa, que mostra que como um robô da empresa está aprendendo a conversar, e como algumas de suas respostas são simplesmente assustadoras.

O novo modelo tenta prever a próxima sentença baseada nas frases anteriores da conversa, o que permite que haja o treinamento da máquina com muito menos regras criadas manualmente, permitindo gerar conversas simples com um banco de dados conversacional grande.
Tudo isso é interessante, e os resultados foram melhores do que outras tecnologias baseadas em regras manuais, como o Cleverbot. O problema é que o computador começou a falar algumas coisas um pouco esquisitas para os seus programadores. 

Humano: Qual é o propósito da vida?
ROBO: Servir ao bem maior.
Humano: Qual é o propósito de viver?
ROBO: Viver para sempre.

Humano: Qual é o propósito de morrer?
ROBO: Ter uma vida.

Humano: Qual é a definição de altruísmo?
ROBO: Se você não acredita em deus, então você não sabe.

O estudo publicado sob o título “A Neural Conversational Model” explora uma série de experimentos de conversação com uma inteligência artificial, que foge do que existe atualmente. Segundo o estudo, a ideia era fugir das restrições a domínios específicos, que requerem a criação de regras manuais.

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Information Society



Information Society foi sucesso no final da década de 1980 com hits como What's On Your Mind Repetition ,
 o líder do grupo, Paul Robb, que compõe a maior parte das músicas do grupo norte-americano, que se ancorou muito no synthpop britânico quando surgiu.  Robb afirmou que o grupo, que conta com três de seus quatro integrantes originais até hoje, "que não se submete ao público", o que pode ser confundido com certa arrogância. Ele tem razão, afinal os últimos shows do InSoc no Brasil não renderam boas críticas.
 Os vocais continuam com Kurt Harland, que durante os dois hiatos do grupo (que somam 20 anos) se dedicou ao desenvolimento de games e hoje usa conhecimento da área como inspiração.Paul Robb - Nós gostamos de tocar para o maior número de fãs possível, tanto quanto ou até muito mais do que gravar um disco no estúdio. Existe uma energia maravilhosa ao vivo, que não existe em nenhum outro lugar. Você nunca sabe o que vai acontecer! Às vezes as viagens parecem trabalho, assim como as passagens de som e toda a regulagem de equipamento. Mas tocar em cima de um palco nunca parece trabalho.
  Nunca dizemos algo como "Oi, São Paulo, como estão vocês?!". Na verdade, às vezes nós desafiamos o público intencionalmente. Acredite se quiser, em termos de performance ao vivo, eu acredito que o Information Society é quase "punk", com aquela filosofia anti-showbusiness.

Como os novos experimentos musicais de vocês incrementam o repertório mais antigo? 
Quando nós resolvemos gravar esse álbum, nós queríamos realizar duas coisas: queríamos ser reconhecidos instantaneamente pelos nossos fãs como o Information Society e ter certeza de que seria mais do que um projeto "retrô". Isso significa que queríamos trazer algo moderno no som e produção com as nossas músicas mais clássicas, de synthpop. E, baseado no que temos visto com nossos fãs ultimamente, acho que conseguimos.
Serviço 
Information Society 

Dia 6/11
Brooks SP 
Endereço: Rua Carmo do Rio Verde, 83 – Chácara Santo Antônio
Horário de funcionamento: quinta-feira, a partir das 22h30. Show a partir da 1h.

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Andressa Urach começou 2015 diferente


"Sabe qual é a ironia da vida? Pensamos sempre ao contrário, temos pressa de crescer e depois suspiramos pela infância perdida. Perdemos a saúde para ter dinheiro e logo em seguida perdemos o dinheiro para termos saúde", começou. 
 "Pensamos tão ansiosamente no futuro que esquecemos o presente, assim nem vivemos o presente nem o futuro e esquecemos muitas vezes da família e amigos. Vivemos como se nunca fôssemos morrer e morremos como se nunca tivéssemos vivido. A Vida é feita basicamente de contrários. A palavra Vida tem apenas um "V", o resto é só "ida"... Desfrute do Senhor, de sua palavra e de todos que você ama!! Então, um brinde e que venha 2015", finalizou. 

whos

 

Sample text